11 de ago 2015

Muita gente perguntou como eu estava deixando meu cabelo cacheado, resolvi aproveitar para fazer um vídeo e tentar ajudar quem está começando a transição capilar.
Essa é a única texturização que tentei até agora, parei nela mesmo porque gostei bastante do resultado, mas há várias outras técnicas.

Se inscreva no canal para não perder nenhum vídeo!

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

11 de ago 2015

Vocês já sabem que sonho em viajar para vários países (falei um pouco disso aqui) e não conheço uma pessoa que não se sinta motivado e/ou inspirado por outras culturas.

Já disse Amyr Klink, navegador e escritor Brasileiro:
Um homem precisa viajar, por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros e tevês, precisa viajar, por si, com os olhos e pés, para entender o que é seu

E é por isso que nós, o Westwing (Um site super bacana de casa e decoração) e eu, preparamos um post cheio de lugares lindos e inspiradores, para você visitar no seu tour pelo mundo. Vem comigo!

Paris

Paris é conhecida como cidade luz e atrai a muitos por seu romantismo. Fora os museus e a moda, a atmosfera Francesa faz qualquer um se sentir num filme, com os jardins e restaurantes com mesinhas nas calçadas. Só de olhar as fotos já ouço a trilha sonora de Amélie Poulain tocando na minha cabeça.

Jardin des Tuileries

O jardim das talherias (em português) fica a margem do rio Sena, próximo de outros marcos históricos como o arco do triunfo do carrossel. O jardim faz parte de um parque e circunda o palácio de Versalhes. O estilo parisiense do jardim, simétrico e repleto de obras ornamentais, é um charme.

Barcelona


A agitação de Barcelona é perfeita para viajar com os amigos ou para conhecer gente nova e confraternizar, hahaha. A arquitetura da cidade atrai milhões de pessoas por ano, principalmente por Barcelona ser a cidade onde nasceu e trabalhou Gaudí, há obras dele espalhadas pela cidade. Outra coisa que chama muita atenção, é que é uma metrópole com praia e totalmente organizada, o que influencia muito na vibe da cidade.
Tenho curiosidade em provar Sangria e tapas, afinal temos que procurar as comidas e bebidas típicas também, para uma experiência completa, hahaha.

 Casa Batlló

Essa é uma das obras de Antoni Gaudí, a casa Battló é um dos símbolos de Barcelona, além dessa fachada maravilhosa, dentro dela funciona uma boutique, um café e uma exposição de móveis de Gaudí. É parada obrigatória!

Moscou


Sempre vi a Rússia como um lugar lugar super exótico e histórico. Em algumas imagens, principalmente no inverno, parece ter saído direto de um conto de fadas. São tanto lugares lindos e com a arquitetura tão diferente e mágica, como a catedral de São Basílio.

Kremlin

O Kremlin é uma fortaleza além de situar vários palácios, igrejas e monumentos em seu interior, é onde funciona a sede do governo Russo. É outra parada obrigatória no nosso tour mundial.

Milão


A arquitetura de Milão também impressiona. A cidade é conhecida pelo luxo e sofisticação. Conhecida mundialmente como a capital do design e especialmente famosa pelas lojas de moda, abriga o shopping mais antigo do mundo.

Via Montenapoleone

Milão é considerada uma das capitais da moda, principalmente por abrigar a sede de várias marcas italianas – como Gucci, Versace, Prada, etc. Via Montenapoleone é o point das lojas de grife, extremamente procurado por quem gosta de se jogar nas compras.

Espero que tenham gostado do post. Para mais indicações de lugares incríveis, acesse o guia completo da Westwing.

Todas as imagens do post são de responsabilidade da Westwing ♥

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

08 de ago 2015

Vocês já sabem que sou mega atrapalhada na cozinha, não tenho muita paciência, por isso opto por receitas rápidas que consigo fazer sem ajuda da minha mãe. Acho válido para quem mora sozinho e tem que se virar como dá.

Algumas das receitas usam um pouco mais de ingredientes, pois alguns são opcionais, você que decide se quer a receita 100% ou trocar o recheio, cobertura, come sem nada, etc, então sejam bonzinhos!

Rocambole I


Massa
5 ovos
3 colheres de chocolate em pó (o do padre ou semelhante)
2 colheres de açúcar
1 colher de farinha de trigo
1 colher de fermento em pó

Recheio
1 lata de leite condensado cozida (eu faço na panela de pressão – cuidado para não morrer)

Preparo
Misture todos os ingredientes da massa, até que ela fique homogênea. Unte uma forma, cobra com papel manteiga e espalhe a massa em cima. Asse de 10 a 15 minutos.

Cozinhe a lata de leite condensado em uma panela de pressão (clique aqui para saber como)

Com a massa ainda morna, espalhe o recheio sobre a massa, a camada não pode ser muito grossa para que ele não vaze muito pelos lados. Enrole a massa para que forme o rocambole, com cuidado para não quebrar.

Rocambole II


Massa
200g de leite em pó (leite ninho, mas pode ser substituído)
200g de achocolatado em pó
1 lata de leite condensado

Recheio
2oog de coco ralado
1 lata de leite condensado

Preparo
Misture os 3 primeiros ingredientes amassando até que forme uma massa.
Leve o leite condensado e o coco ao fogo, mexendo sempre até desgrude da panela.

Espalhe a massa sobre um plastico, coloque o recheio já fio sobre ela. Com o auxílio do plástico, enrole. Leve a geladeira por duas horas.

Bolinho de arroz frito


Essa receita é para reaproveitar!
Massa
3 xícaras de arroz de ontem
1 ovo
2 xícaras de farinha
1 colher (das miudinhas) de sal
3 colheres de parmesão ralado
Presunto e queijo mussarela em mini cubos

Preparo
Misture tudo, faça bolinhas e frite.
Se a massa não ficar firme, adicione mais farinha de trigo até que fique.

Cocada


1 Coco fresco ralado
1 lata de leite condensado
1 medida (da lata de leite condensado) de leite
3 medidas de açúcar

Preparo
Leve ao fogo, mexendo sempre. Fique atento ao ponto, muitas vezes a cocada só endurece depois de fria. Teste em superfícies frias se já chegou no ponto que você deseja.

Churros


Massa
1 xícara de leite
1/2 xícara de água
1 xícara e meia de farinha de trigo
Manteiga sem sal
1 colher (das miúdas) de açúcar e 1 pitada de sal

Recheio
1 lata de leite condensado cozida (eu faço na panela de pressão – cuidado para não morrer)

Açúcar
Canela

Preparo
Leve a água, o leite, a manteiga, o sal e o açúcar ao fogo até que levante fervura, adicione aos poucos a farinha – mexendo como se sua vida dependesse disso, é bem difícil, a massa é pesada e parece que vai dar errado, mas continue mexendo, até que fique homogênea.
Depois, com a massa ainda morna, você pode usar um bico grandão daqueles de confeiteiro para fazer os churros como os que vendem na rua ou usar uma garrafa pet de 500ml (cortando o fundo para adicionar a massa e fazendo alguns juncos na parte da tampa para fazer o desenho) ou enrolar, se estiver sem paciência. A massa é bem maleável, confesso que me diverti fritando bichinhos, estrelas e corações. Enfim, frite!
Passe no açúcar com canela.
Você pode furar o churros já frito e utilizar um bico de confeiteiro para adicionar o recheio ou passar o churros no doce e comer, fica bom de qualquer forma.
Jogue granulado, coco, castanhas, o que preferir.

Pastel de banana


Massa para pastel (de preferencia as que já vem cortadas em círculos)

Recheio
2 bananas
3 colheres de açúcar

Canela a gosto

Preparo
Corte as bananas em fatias ou rodelas pequenas. Coloque porções de banana no centro de cada circulo de massa, salpique açúcar em cima e feche o pastel com o auxílio de um garfo (amassando as bordas juntas).
Frite até dourar, passe no açúcar com canela.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Página 5 de 71234567
 
ir ao topo