08 de out 2015

what

Não é todo mundo que tem grana pra pagar um curso de inglês, falo por mim, quando tinha um dinheiro sobrando, trabalhava tanto que não tinha tempo ou escolhia outros cursos no lugar. O que acabou acontecendo, depois de tanto adiamento foi que aprendi muito sozinha.
Hoje, apesar de ainda ter dificuldades na escrita e ser super medrosa ao responder em diálogos, compreendo muito, tanto ouvindo quanto lendo.download

Assista filmes e séries

Pode parecer besteira e quando eu estava lá pelos meus 12 anos e ouvi essa dica pela primeira vez, não achei útil. Mas conforme os anos foram passando, assistir coisas legendadas, fez com que eu conseguisse entender muito do que se fala, a ponto de hoje eu não precisar mais das legendas, entendo o que eles estão dizendo.
Assistir uma série que tenha muitas temporadas, como FRIENDS e House, pode ajudar, porque você pode observar o dia a dia dos personagens, pegar sotaques e piadinhas, entender referências de outros países com mais facilidade.
Assistir filmes de gêneros diferentes também, para pegar termos técnicos que não são ensinados em cursos, só se aprendem com a vivência.
Muita gente aprende também com jogos, tudo é válido, mas não vou citar diretamente, porque não foi o que aconteceu comigo.

Ouça Audiobook em inglês

O próximo passo para mim, foi me desvincular da imagem, dessa forma eu não teria escolha a não ser entender. Peguei audiobook de livros que já tinha lido em português. Dica: Se puder pegar Harry Potter, foi o mais legal que já ouvi até hoje.

Duolingo

Para as coisas que não consigo compreender e um pouco de gramática, de forma mais interativa, uso o duolingo, o site vem do básico e funciona como um joguinho. Quando mais responde, mais troféus. O ideal é estudar um pouco por dia, mas como quase nunca dá tempo, vira e mexe entro e passo algumas fases. Ele também permite que você faça um teste de nivelamento e adicione o resultado ao linkedin.

Cante/fale sozinho

Para ajudar na pronuncia, cante, nem sempre temos coragem ou com quem falar inglês, então cante, pegue a letra das músicas e tente, com o ritmo é bem mais fácil. Tente repetir frases/diálogos de personagens de filmes e séries que você gosta, também. Eu Usava o Karaokeparty para cantar, mas atualmente ele está desativado para o Brasil. O Smule – Aplicativo karaokê em que dá até mesmo para fazer duetos e cantar em grupos – também mostra as letras,  é bem legal (era lá que a Jessie J cantava com a galera, lembra?).

Leia livros em inglês

Começando por livros que você já leu em português ou usando o auxílio de um dicionário, fica mais fácil. Estou nessa fase, hahaha, é mais difícil de encontrar os livros em inglês para vender, porém, edições muito mais bonitas que dos livros traduzidos. Vale lembrar que lendo melhoramos nossa escrita, além da capacidade de compreensão.

Essas são as alternativas para quem não tem muito tempo ou paciência para pegar apostilas e livros de inglês e treinar regularmente. Insira o idioma na sua vida, logo você estará pensando em inglês e algumas vezes sabendo o que a palavra significa no outro idioma, mas não sabendo traduzir para o seu, hahaha, acontece.

Ainda assim acho que se você tem a disponibilidade de fazer um curso, não há porquê não. Quando eu puder farei e sei que isso tudo que fiz por fora, vai me ajudar quando chegar lá, espero que tenham gostado das dicas, beijo.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Postado por:
Carla Nascimento

Posts relacionados:

5 comentaram

 
Comentários publicados somente após a aprovação.
  • Gyy Gomez

    08 de out de 2015

    Carlinha, estou fazendo isso, praticamente tudo que uso está em inglês: redes sociais, celular, jogos… E como tenho amigos que estudam a língua, vez ou outra conversamos juntos <3
    E outra, todos os dias eu ouço música 24 horas, e não tem uma que seja em português. O pessoal aqui de casa sempre fala se eu não quero ir pra USA haha.

    Responder

  • Tatiana

    08 de out de 2015

    Já usei o Duolingo e achei super legal, mas faltou tempo. Ultimamente assisto séries com legenda em inglês ou sem legenda, além de escutar muita música em inglês também. Livros faz tempo que não leio em inglês, não por falta de vontade, mas porque né, o dólar tá tenso. hahaha Beijo, Carla!

    Responder

  • Paty

    08 de out de 2015

    Eu adoro o Duolingo, você acaba aprendendo por repetição e o legal é que parece um joguinho mesmo, com troféus eu tudo mais hehe. Também gosto de ler livros em inglês. Comprei um exemplar português e outro inglês, pra ir comparando e verificar as palavras que não sei o significado. Dá pra aprender bastante assim. Dizem que uma pessoa consegue aprender inglês, se ela ler um livro inteiro dessa forma. Será? Beijinho

    Responder

  • Marina Menezes

    08 de out de 2015

    Estou nessa de tentar aprender sozinha. Uso o duolingo e estou assistindo muitas séries (ainda com legenda). Pretendo começar a ler alguns livros em inglês e assistir as séries sem legendas também, mas com o tempo. Encontrei alguns cursos online, mas por enquanto sem paciência pra tentar qualquer um deles. Aprendi bastante coisa de inglês com jogos, mas agora com essa onda de traduções e jogos dublados para o português estou começando a me acomodar a fazer tudo na minha língua.

    Responder

  • Bia Reys

    08 de out de 2015

    Mas olha, eu aprendi inglês sozinha, e fazendo tudo isso que tu comentou também. e eu ainda traduzia as músicas dos Backstreet Boys! aiuehauiehauie isso na época em que eles estavam no auge na carreira, e eu era superfã deles. Tinha uma enorme curiosidade em saber o que eles estavam cantando, e me apaixonava ainda mais quando traduzia! haha mas inglês é muito fácil de aprender… o segredo mesmo é descobrir direitinho e entender como funcionar o famigerado verbo To be. Sim! Ele é tipo a coluna vertebral da lingua. Sabendo bem ele, o resto é barbada. É só questão de adquirir vocabulário. E isso a gente consegue lendo qualquer coisa em inglês. :) E o legal é que sabendo o inglês, aprender outras linguas fica mais fácil também. :)

    Riscos e Rabiscos

    Responder

 
ir ao topo