03 de abr 2018

Eu assisto MUITAS séries. Ao ponto que comecei a perder a sensibilidade em relação a elas, conseguia assistir enquanto fazia outras atividades, sem prestar muita atenção, sem me importar muito. Até que fiquei impactada com duas séries e voltei a enxergar os atores novamente.

Engraçado que por muito tempo da minha vida quis ser atriz, fazer um curso de teatro, nunca consegui porque na minha cidade não haviam escolas, também não tínhamos condições financeiras, por mais que nunca tenha conseguido, hoje tenho amigos que estudaram teatro e é perceptível como as artes cênicas tiveram um papel crucial no desenvolvimento pessoal de cada um.

Imaginando os bastidores de tudo, deve ser quase impossível se encontrar um ator incrível, mesmo quando ele é muito bom, por causa dos fatores externos, testes, indicações, etc. Portanto esse post vem exaltar a atuação de duas atrizes em especial: Sarah Gadon e Jessica Biel; E chamar atenção do papel das mulheres nas produções.

Alias Grace

Além de baseado em um premiado livro escrito por uma mulher, Margaret Atwood, a série foi roteirizada por Sarah Polley e dirigida por Mary Harron. Ter tantas mulheres por trás de uma série tão incrível é motivador.

Alias Grace é uma série Canado-Americana, tem 6 episódios, apenas uma temporada, está no Netflix e conta a história de Grace, que foi condenada por assassinato bem jovem, presa injustamente, segundo a mesma, que não se lembra do que aconteceu. E ela começa a trabalhar com um médico buscando recuperar suas memórias.

O suspense é palpável, uma vez que você começa, a história te pega, terminei no mesmo dia, não consegui viver sem saber o final. A trama se amarra no final da temporada, então é praticamente um filme longo, RECOMENDO FORTEMENTE. O destaque pra atriz nesse caso vem pelas micro expressões da Sarah Gadon, mesmo com a face mais serena, ainda que ela esteja parada olhando pro nada, já que a personagem é extremamente contida, as expressões saltam de seu rosto e são reconhecíveis. A forma com que ela construiu Grace foi sensacional.

The Sinner

Comecei The Sinner pela sinopse e por amar séries de suspense, porque apesar de conhecer a Jessica Biel, os personagens que ela fez nos filmes que assisti, não foram tão notáveis.

A série é americana, baseada em um conto de Petra Hammesfahr, tem 8 episódios. Apenas uma temporada e está no Netflix.

Nessa série, logo nos primeiros minutos, achei que também não seria, mas notei que tinha que me apegar as sutilezas, aos detalhes, muito nela estava subentendido. É um suspense psicológico, pra te fazer pensar e ter curiosidade de entender antes mesmo dos próprios detetives na série, o que está acontecendo. Não quero revelar muito, não indico para pessoas muitos sensíveis, porque pode ser gatilho, tem cenas de violência, realmente gostei da série, vários plot twists.

Espero que tenham gostado do post, me contem se já assistiram ou assistiriam.

Esse post foi patrocinado, todas as opiniões no mesmo foram sinceras e o conteúdo de autoria do blog.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Postado por:
Carla Nascimento

2 comentaram

 
Comentários publicados somente após a aprovação.
  • Leslie Leite

    03 de abr de 2018

    Oi Carla!
    Eu fiz curso de teatro como atividade extracurricular durante o ensino médio, é maravilhoso e realmente nos ajuda no desenvolvimento pessoal. Eu não levei mais a sério por que depois que terminei a escola eu tinha planos diferentes, mas, gostaria de ter continuado como hobby.
    Eu amei seu post por que você deu destaque ás atuações e principalmente, atuações de atrizes, mulheres, e enxergar mais do que o enredo enquanto assistimos uma série ou filme é muito bom, isso nos agrega maior conhecimento sobre o mundo atrás das câmeras e a relação disso com a sociedade em que vivemos.
    Tanto para livros quanto, filmes e séries, suspense é sempre minha primeira escolha, gostei muito das indicações e assim que possível vou assistir, principalmente por que as séries são bem rapidinhas, com poucos episódios.
    Beijo!

    Responder

  • Deivy

    03 de abr de 2018

    Eu estou com uma lista enorme de livros que pretendo comprar para ler, filmes que quero muito assistir e séries que pegaram a minha curiosidade fortemente. Suspense nunca foi o meu tema favorito de filme, por causa da ansiedade, gosto quando tudo acontece rapidamente no filme mas sem perder o contexto e desenvolve uma boa história.

    Beijos do Deivy!
    http://www.blogdodeivy.blogspot.com

    Responder

 
ir ao topo