09 de jan 2016

poltergeist de enfield

Eu sou muito fã de “Invocação do mal”, realmente fico super curiosa com os casos dos Warren, já falei aqui no blog sobre as histórias em que se basearam o primeiro filme (Harrisville Haunting), “Horror em Amityville” e Anabelle (clique para ver o post). O novo filme Invocação do Mal 2 (The Conjuring 2) chega aos cinemas dia 10/06 e foi também baseado em uma história real, o Poltergeist de Enfield.

O Poltergeist de Enfield, foi o nome dado para as atividades de aconteceram entre 1977 e 1979 em uma casa na cidade de Enfield, Inglaterra.

A família que morava na casa, era formada por Peggy (mãe solteira) e seus quatro filhos Margaret, Janet, Johnny e Billy. Muitos dos acontecimentos envolviam as crianças, principalmente, Margareth e Janet de 13 e 11 anos.

Tudo começou com as crianças relatando a mãe que os móveis se moviam sozinhos e que ouviam batidas nas paredes. Depois de um tempo as manifestações se expandiram a vozes demoníacas, barulhos altos, pedras e brinquedos sendo atirados, cadeiras viradas e crianças levitando.

Há fotografias mostrando momentos em que as meninas flutuam pela casa e gravações de áudios que os investigadores fizeram na casa (que eu não tive coragem de ouvir inteiros, mas se clicar aqui pode ir até eles)

O caso foi investigado pela Society for Psychical Research e alguns dos acontecimentos foram comprovados como falsos, o que foi explicado pela família como uma forma de testar os investigadores, saber se eles sabiam ou não distinguir o que era real. Depois de adulta Janet disse ter falsificado 2% dos eventos.

Ed Warren chegou a dizer que Janet estava possuída, por flutuar durante o sono e porque as vozes demoníacas ouvidas, aparentemente, virem dela. Janet chegou a relatar que sentia uma presença atrás dela o tempo todo.

Esse vídeo conta mais sobre a atividade, com fotos, vídeos e textos, para quem souber inglês é uma boa:
 


 
Vários filmes de poltergeist se basearam de alguma forma nesse caso, incluindo “Poltergeist, o Fenômeno” de 1982, o qual a refilmagem foi lançada uma nova versão em 2015.

Aqui vai o trailer de Invocação do mal 2, boa sorte, não olhe para trás:
 


 
Fontes: 1, 2, 3 e 4

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

07 de jan 2016

cachos

Depois de tanto tempo com o cabelo liso, é difícil imaginar como nosso cabelo realmente é. Na época em que comecei a alisar o cabelo, me livrei de todas as fotos que tinha com o cabelo cacheado solto, bom, mais ou menos, as que restaram meu cabelo está com relaxamento na raiz, molhado/empapado de creme e não contam.

O melhor que pude fazer, além de procurar entre minhas próprias fotos, foi puxar pela memória e procurar referencias de cabelos parecidos com o meu, o que super recomendo a quem está pensando em fazer, ou já está, em transição capilar. Nesse caminho, encontrei muita gente linda e poderosa, que vou mostrar algumas pra vocês aqui no post, tem gente que vocês conhecem, provavelmente. Coloquei outros tipos que não o meu, pra ver se ajudo, quem ainda está perdido, sem saber com qual cabelo o seu se parece.

Clique nas fotos para ir para os blogs/canais/pinterest, etc

cachos5cachos 4cachos3

cachos2cachos1cachos8

cachos15cachos9cachos13

cachos 6cachos14cachos7

cachos10cachos18cachos 16

cachos17cachos11cachos19

Eu tenho um painel no pinterest com inspirações de cabelo, tem vários lisos também e coloridos, se quiser seguir, é só clicar aqui.

Já tem alguma inspiração que não está nesse post? deixe nos comentários!

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

20 de out 2015

Oi gente, finalmente consegui ir na exposição, fiquei com medo de não dar tempo, com a correria da vida.

O nome completo da exposição é Frida Kahlo – Conexões entre mulheres surrealistas no México.

Com certeza vocês já ouviram falar de Frida Kahlo, se não foi por suas pinturas mega expressivas, foi por sua luta ou por suas sobrancelha característica. A história da Frida é marcada por muito sofrimento e arte, assim como conturbada por seus amores.

Apesar da exposição carregar o nome e rosto de Frida, é composta de muitos quadros, esculturas e fotografias de outras artistas surrealistas mexicanas e estrangeiras. Que foram de algum modo influenciadas por ela, sejam por amizade ou fator cultural – Algumas delas se mudaram para o México depois de serem exiladas de seus países de origem.

É aquilo tipo de arte que se para na frente e fica horas tentando compreender e se deixando envolver pelos significados.

Espero que vocês possam comparecer a exposição, por isso não vou falar muito mais. Fiquem com algumas fotos:

Auto-Retrato com macacos


Diego en mi pensamiento


Leonora Carrington



Juliana admirada | Esqueci de pegar o nome da autora do quadro


Remedios Varo

As filas para a exposição não estão muito grandes, como de costume nas exposições do Instituto Tomie Ohtake, dessa vez o cadastro está sendo feito online.

O ingresso inteiro custa R$10,00
A exposição está do Instituto Tomie Ohtake até 10 de janeiro de 2016
Terça a Domingo, das 11 as 20h
Dá para comprar online clicando aqui.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Página 4 de 171 ...12345678... 17››
 
ir ao topo