27 de jul 2014


Livro: Retalhos (Blankets)
Autor: Craig Thompson
Editora: Companhia das Letras
ISBN: 978-85-3591-448-1
Lançamento: 2009
Número de páginas: 592
Sinopse: Uma das graphic novels mais premiadas dos últimos tempos, Retalhos é um relato autobiográfico da vida no Meio Oeste americano. Thompson retrata sua própria história, da infância até o início da vida adulta, numa cidadezinha de Wisconsin, no centro dos Estados Unidos, que parece estar sempre coberta pela neve. Seu crescimento é marcado pelo temor a Deus – transmitido por sua família, seu colégio, seu pastor e as trágicas passagens bíblicas que lê -, que se interpõe contra seus desejos, como o de se expressar pelo desenho.
Ao mesmo tempo Thompson descreve a relação com o irmão mais novo, com quem ele dividiu a cama durante toda a infância. Conforme amadurecem, os irmãos se distanciam, episódio narrado com rara sensibilidade pelo autor.
Com a adolescência, seus desejos se expandem e acabam tomando forma em Raina – uma garota vivaz, de alma poética e impulsiva, quase o oposto total de Thompson – com quem começa a relação que mudará a visão que ele tem da família, de Deus, do futuro e, enfim, do próprio amor. Retalhos traz as dores e as paixões dos melhores romances de formação – mas dentro de uma linguagem gráfica própria e extremamente original.

Atribuí: 3
Assim que vi a capa fiquei com vontade de ler Retalhos. E apesar da capa parecer que o livro é apenas mais um romance, posso garantir, não é.
O livro é enorme, porém por ser uma graphic novel terminei bem rápido. As ilustrações são lindas, as vezes com tantos detalhes que fica difícil de acompanhar, mas com certeza o escritor conseguiu passar suas emoções, me senti mal por ele mesmo sem ter passado nada do que ele passou.
Ele começa contanto sua história desde pequeno e no decorrer de sua adolescência passa a ter flashbacks de sua infância, todos os arrependimento, criticas sofridas pelos pais, colegas de escola e companheiros de igreja.
Nos faz pensar no quanto deixamos de fazer por causa dos outros ou nos culpamos por coisas que não eram nossa responsabilidade.
Fiquei com vontade de saber o que aconteceu depois, mas também não quis procurar por essas respostas, sinto que já invadi demais a vida de Craig, só espero que hoje ele esteja feliz.
A obra foi vencedora de três prêmios Harvey (melhor artista, melhor graphic novel original e melhor cartunista), dois prêmios Eisner (melhor graphic novel e melhor escritor/artista), e, em 2005, do prêmio da crítica da Associação Francesa de Críticos e Jornalistas de Quadrinhos.
Recomendo o submarino caso queiram comprar, é onde esta mais em conta: clique aqui.

Site/blog do Autor: Clique.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

27 de jun 2014

Já faz algum tempo que eu li o Valente, tanto tempo que minha penteadeira nem é mais branca, porém não podia deixar de fazer uma resenha sobre ele.

Sinopse: Valente conta a história de um tímido jovem à procura do amor de sua vida. Mas esta não é a típica história de amor que se vê nos filmes, seriados e novelas. Mais próxima da realidade, ela mostra como os diferentes parceiros que encontramos pelo caminho e todas as experiências que passamos ao lado deles influenciam em quem somos e em quem vamos nos tornar. Sucessos e fracassos, alegrias e decepções, Valente é sobre as garotas que encontramos em nossas vidas antes de encontrarmos A garota de nossas vidas.

Atribuí: 3

Apesar de parecer infantil, principalmente pelos personagens serem representados por animais (♥), tem uma pegada mais adolescente, conta a história de Valente com muito bom humor e ironia, passando por situações como o primeiro amor, a primeira friendzone, sua relação com os amigos e as mudanças do fim da escola/começo da faculdade.

Tirando a parte lúdica dos bichos, é bem real. Comecei a imaginar as pessoas em minha vida como bichos, hahaha, ainda estou decidindo qual eu seria.

A ilustrações são maravilhosas, me apaixonei completamente pelo traço e já estou ansiosa pelo próximo volume

Leia algumas das tirinhas:

 

A série foi criada pelo Brasileiro Vitor Cafaggi e possui três livros até então, disponíveis no site da Panini.
Blog do Vitor Cafaggi | Valente na Panini

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

01 de abr 2014
Resolvi lançar uma tag, como uma de minhas manias. Não sei como, mas sempre que estou lendo um livro acabo encontrando uma música que tem tudo a ver com a história. Então vou desafiar todos vocês a combinarem 7 músicas á 7 livros (não tem problema se repetirem a música ou usarem um filme que alguém já usou para responder, o importante é o seu ponto de vista).

Divergente: Terminei a série hoje e enquanto estava lendo o segundo livro, assisti o episódio de Vampire Diaries em que toca a música ‘Fire Breather’, achei tudo a ver com Tris e Quatro.

letra e tradução

House of night: Enquanto lia ‘Indomada’ e pensava em como a Zoey conseguia dar tanta mancada com a pessoas que gostavam dela e desejava simplesmente ser perdoada facilmente, ouvia The Pretty Reckless e percebi que a letra de ‘Far from never’ falava exatamente disso.

letra e tradução

E ainda encontrei na mesma época essa música que tinha tudo a ver com o Kalona:

letra e tradução

Vampire Academy: Toda a teatralidade da realeza que fazia com que Lissa tivesse de se portar como uma boneca frágil, contrasta com Rose imprudente e determinada e todos os segredos que elas tem que guardar. Em St. Vladimir elas são obrigadas a vestir suas máscaras.

letra e tradução

Não vou contar spoiler master dos últimos livros de Vampire Academy, mas para mim a música ‘How we operate’ se encaixa muito em Rose e Dimitri (Com a culpa que ele sente e blablabla).

letra e tradução

As crônicas de Sookie Stackhouse – True Blood: Confesso que li os livros desesperadamente buscando as partes em que o Eric aparecia. Para essas cenas atribuo a música, um tanto pornográfica, ‘Closer’.

   letra e tradução

A culpa é das estrelas: Se você estiver lendo o livro (principalmente na parte do final) é melhor que não ouça essa música ao mesmo tempo ou se afogará em lagrimas.

letra e tradução

A mediadora: Meu tema para Jesse e Suze.

letra e tradução

Acabei postando nove músicas e menos de 7 livros, mas vocês entenderam a ideia. Qualquer um pode participar, deixem o link nos comentários para que eu possa ver o de vocês, beijos.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Página 10 de 14«1 ...67891011121314... 14››
 
ir ao topo