14 de mar 2017

Hey pessoas, aqui é a Bia, nova colaboradora do blog para a categoria TV e Cinema, e para o meu primeiro post eu resolvi trazer para vocês uma pequena listinha de documentários que podem ajudar a entender o movimento feminista é a importância dele na nossa sociedade. Escolhi falar um pouco sobre essa temática por duas razões principais:

1ª: Dia oito foi o dia das mulheres e considero que é uma época bastante importante para a gente pensar o quanto ser mulher significa ser um ser de luta. Luta por espaço, por voz, por direitos…
2ª: Até hoje o feminismo é um assunto que incomoda muita gente, principalmente pela grande quantidade de “desinformação” que circula na internet, então considero de extrema importância a gente buscar e mostrar materiais que possam desconstruir isso. E acredito que esses documentários podem ajudar.

Agora chega de razões do porque desse post e vamos a lista, ela não é muito grande pois não é tão fácil encontrar documentários sobre mulheres ou temas da nossa vivencia. Aquela coisinha chamada representatividade já tá em falta nos filmes/séries, imagina nos documentários.

THE HUNTING GROUND

Um dos documentários que aborda, na minha opinião, uma das maiores lutas do movimento feminista e um dos maiores problemas sociais que a gente tem no mundo, a cultura do estupro. O foco do documentário é mostrar, através do relato de alguns vitimas, os inúmeros casos de estupro nas universidades americanas. Mesmo que a nossa realidade seja um pouco diferente, eu acredito que a grande questão ao assistir esse documentário é que ele mostra como a cultura do estupro é algo que está internalizado na nossa sociedade. Como é comum culpabilizar a vitima e esconder o que aconteceu. Além disso, ele também aborda uma outra questão bastante importante ao discutir essa temática, que nem sempre o agressor será alguém que a gente não conhece, pode ser alguém da família, alguém que estuda na sua sala, enfim, alguém que é da sua convivência social.

Uma curiosidade é que a cantora Lady Gaga foi quem produziu a musica tema e a musica, inclusive, foi indicada ao Oscar. Ela abraçou o projeto pois foi estuprada enquanto estava na universidade, então a apresentação da musica para a cerimonia também é bastante emocionante, recomendo vocês assistirem depois do documentário.

Ah! O documentário está disponível na Netflix.

CLANDESTINAS

O aborto ainda é considero crime no Brasil, mas isso não impede que ele seja realizado. E esse documentário vai relatar exatamente isso, historia de mulheres que, por diferentes motivos, já realizaram um aborto. É um documentário incrível e emocionante que com os seus vinte e poucos minutos de duração consegue quebrar muitos preconceitos.

Ele está disponível no youtube gratuitamente, então vou deixar o vídeo aqui para vocês.

SHE’S BEAUTIFUL WHEN SHE’S ANGRY

E claro, não poderia deixar de fora dessa lista um documentário que falasse um pouco sobre a historia do movimento. Esse é um documentário que eu já adoro desde o seu titulo, She’s Beautiful When She’s Angry (ela é linda quando está brava), que é super provocador. Nele vamos conhecer um pouco da luta das mulheres contra o feminicídio, estupro, aborto nos anos de 1966 a 1971. Mas, pra mim, as duas grande questões dele é que:
1. Mostrar grandes mulheres que lutaram para que hoje pudêssemos estar aqui falando de questões tão importantes da vida das mulheres e 2. Dá um choque ao mostrar como algumas questões ainda são tão atuais.

O documentário é realmente muito bom, pois também mostra que uma luta sempre está atrelada a outra quando faz o recorte para questões das mulheres negras e das mulheres lésbicas.

Ah! E esse também está disponível na netflix.

Então é isso, espero que vocês tenham gostado e não deixem de me contar nos comentários qual ficou mais interessado em ver ou se já viu algum. xoxo :*

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

23 de fev 2017

Meu tipo de filme para ver em grupo é de terror, sério, adoro fazer corujão para morrer de medo, gritar e ir junto com os amigos. Mas nem sempre a opinião é geral e na próxima que vou participar o tema vai ser mais girly, então fiz uma seleção de filmes anos 90/2000 para relembrarmos nossas adolescências.

Vou tentar, sem problematizar, contar mais sobre os filmes para vocês. Me contem se conhecem ou já assistiram todos, quais seus favoritos e se lembram de mais algum legal.

10 Coisas que eu odeio em você

Baseado na história da Megera Domada, 10 coisas que eu odeio em você começa com a chegada de Cameron na escola nova, sendo apresentado aos grupos sociais em que os adolescentes se dividem e já se apaixonando a primeira vista por Bianca. Porém descobre que a mesma não pode ter encontros se sua irmã mais velha, Kat, não tiver.

A Nova Cinderela

Desde que seu pai morreu, Sam vive aguentando sozinha os abusos de sua madrastra e duas irmãs de criação, até que um dia se apaixona por um cara online (um não sabendo quem o outro é), rola uma confusão e no final ela não larga o celular para trás. Enfim, um conto de Cinderela moderna que já não é mais tão moderno, mas é, mas não é.

Meninas Malvadas

Um clássico. Aprendi várias lições do que é certo ou errado com esse filme, hahaha. Cady se muda os Estados Unidos depois de viver 12 anos na Africa e começa a estudar uma escola real pela primeira vez (ela era educada em casa). Então surgem as melhores pessoas que ela pode conhecer e as piores, hahaha, desculpa, não consigo me controlar. Assistam o trailer.

Miss Simpatia

Amo forte Sandra Bullock. Grace é uma agente do FBI que, depois de uma ameaça terrorista ao concurso de Miss Estados Únidos é obrigada a se disfarçar como uma das concorrentes. Escrevi uma frase todinha defendendo o estilo de vida da Grace antes do concurso e tive que apagar porque prometi não problematizar, hahaha.

Como perder um homem em 10 dias

Para tirar uma amiga de uma fria e com esperança de que consiga uma coluna mais séria futuramente, Andie se propõe a escrever o Artigo “Como perder um homem em 10 dias” para a Revista em que trabalha. Para tanto ela precisa encontrar um rapaz e afugentá-lo, mas ela não sabe que o outro lado também tem uma trama.

De repente 30

Depois de seu aniversário de 13 anos ser péssimo, Jenna se tranca no armário e deseja ter 30 anos, para sua surpresa, quando acorda, seu desejo se tornou realidade, mas ela não se lembra de nada que aconteceu, o que faz, bom, muita gritaria e confusão.

O casamento do meu melhor amigo

Julianne e Michael fizeram um pacto de que quando fizessem 28 anos, se ainda estivessem sozinhos, se casariam. Mas quando a data está chegando Michael liga pra ela avisando que vai se casar.  Ela percebe então que sempre gostou dele e tenta separar o casal.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

28 de jan 2017

Amo filmes de suspense, tirando terror são os que mais procuro e atualmente comecei a assistir duas séries documentais, ou seja, histórias eram reais.

Sendo real ou não, histórias de suspense me fazem pensar muito. Então entre filmes e séries, esses são os que mais me fizeram pensar ultimamente, espero que gostem.

America Crime Story


Essa série conta histórias de crimes americanos, foi renovada recentemente e promete várias temporadas de histórias reais. Em sua primeira temporada contou o caso de O.J. Simpsom, ou melhor, do julgamento dos crimes dos quais foi inocentado (nem é spoiler isso viu, meio que todo mundo sabe dessa história, corre assistir).

British Crime


Essa série de 4 episódios é documental, tem um apresentador, dramatizações e ao mesmo tempo imagens reais (fotos, vídeo e áudio). A história parece se arrastar, mas fiquei tão desesperada para assistir o final que vi tudo de uma vez.

O quarto de Jack – ROOM


O quarto de Jack é uma história ficcional, porém sabemos que já aconteceu de formas semelhantes com muitas pessoas. Muito emocionante e psicologicamente uma tortura para quem se envolve demais com os personagens.

A garota no trem – The Girl on the Train


Quem gostou de Gone Girl (Garota Exemplar) tem que assistir esse filme, suspense é do começo ao fim, plot twists sensacionais, a história se mostra muito mais do que o esperado. É ficção mas tão alguns trechos são tão cheios de significado, RECOMENDO FORTEMENTE!

American Crime


Esse filme só recomendo para quem tem estomago forte, gatilho de maus tratos e violência contra a mulher. Um daqueles filmes que revela o pior das pessoas, ainda mais porque é uma história real.

Me conta se já assistiu alguma das indicações, beeijo.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Página 3 de 291234567... 29››
 
ir ao topo