29 de maio 2015

Atriz

rota2
Minha vontade de ser atriz começou muito cedo, desde os 4 anos eu fico interpretando coisas por ai, que não fazem o menor sentido, como falei no vídeo “merdas da infância”. A parada ficou séria com Chiquititas, pois realmente comecei a acreditar que eu poderia mesmo ser um atriz. Nunca fiz curso, por morar no fim do mundo e não sairmos da cidade quando eu era pequena, depois com trabalho e faculdade, que não deu tempo mesmo. Ainda pretendo fazer o curso, nem que seja por hobbie.

Cantora

rota3
SANDY, O QUE VOCÊ FEZ COMIGO? Poisé, começou com a Sandy, eu lembro de mim com 5-6 anos, em cima da saveiro do meu pai, cantando Sandy&Jr pros pedreiros que estavam terminando de construir nossa casa, tipo, coitados. Desde então venho infernizando a todos pois não consigo parar de cantar: No chuveiro, na faculdade, no trabalho, as 2 da manhã de sábado no karaokê online, no snap e por ai vai.

Também já procurei por aula de canto, de novo e de novo, até mesmo coral, mas nunca participei, ainda está nos planos para o futuro.

Se um dia eu conseguir atuar num musical, vou morrer antes de entrar no palco, certeza.

Dançarina/A Ciara

rota4
Teve uma época da minha vida que eu cai no black music e pirei que queria dançar pela vida. Eu assisti tantas vezes os clipes da Ciara, que se não decorei a coreografia deles é realmente porque sou muito ruim, hahahahaha. Ainda assim, eu queria ser a Ciara, pra dançar daquele jeito e ser maravilhosa, sempre falo.

Não queria entrar no assunto Shakira aqui, mas gostaria de acrescentar que The hips don’t lie e os meus estão dizendo que: DOI PRA CARAMBA IMITAR SUAS DANÇAS MOÇA! (mas que eu tentei eu tentei e muito).

Escritora

rota1
Eu parei de escrever, por enquanto, apesar de ter muitas ideias. Há alguns anos eu começava pelo menos dois livros por semana, hahahaha. O máximo que escrevi foi 48 página de um caderno, mas o perdi a muito tempo, assim como uns 15 arquivos que comecei em um antigo pc que precisou ser formatado. Um dia eu espero conseguir lançar um livro de verdade, se não for de aventura/suspense/romance, como os outros, será mais comédia. Mal posso esperar!
Lembro que comecei a escrever loucamente depois que conheci a Meg Cabot, pois me identificava muito com o modo como a mesma escrevia (O diário da princesa, A mediadora <3 <3 <3).

Ilustradora

IMG_3170
Eu sempre gostei de desenhar e quando pequena pensava em ensinar isso (Até comecei, na escola com algumas amigas), mas por causa dos adultos, eu não tinha noção de que isso realmente poderia ser levado a sério. Tipo, ilustrador? Essa profissão existe mesmo?

No fim essa postagem foi mais ‘O que eu nunca deixei de querer ser’.

Esse super post faz parte do Rotaroots, que prega a blogueiragem de raiz. Para conhecer o grupo e mais postagens a respeito, clique aqui.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

31 de dez 2014

Depois de um tempão sem postar nada do Rotaroots, aqui estou eu. Apesar de achar que todo mundo está de saco cheio de retrospectivas, acredito que esse seja o melhor jeito de aceitar de uma vez que o ano acabou e que não há mais nada que possamos fazer a respeito, hahahaha. É a mesma sensação de terminar de ler um livro de auto-ajuda, viramos a ultima página achando que, agora, vai ser tudo diferente, e até acreditamos nos primeiros dias, depois esquecemos.

Então vamos lá, uma foto por mês (cada uma de um tamanho :x), esse foi meu 2014.

Janeiro

Itanhaém

Fevereiro

Ano Novo Chinês na Liberdade

Março

Um mês para rir muito com as amigas e chorar muito com os golpes que a vida dá

Abril

O mês em que a aquarela começou <3

Maio

O mês em que quase fiquei louca com os trabalhos

Junho

Um mês do universo retribuindo esforços

Julho

Mês cheio de piercings e sakuras <3

Agosto

Minha primeira Bienal, mês cheio de livros. Esse também foi o mês em que comecei com os looks ilustrados. <3

Setembro

O mês que os projetos fotográficos me pegaram

Outubro

Enquanto filmávamos o trailer acabamos no Holi

Novembro

Processed with VSCOcam with f2 preset

O mês da franjinha

Dezembro

SAMSUNG CSC

A última foto era para ser a última selfie do ano, mas não estou com paciência para arrumar meu cabelo agora, hahaha, portanto vai ser essa que eu tirei na exposição da Mafalda.

Muito obrigada por acompanhar o blog esse ano, sem vocês nada do que aconteceu por aqui seria possível e espero que continuem comigo em 2015.

Feliz ano novo!

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

 
ir ao topo