12 de jan 2016

Olá, pessoal, é a Patê,

Voltei, voltei! E vamos começar 2016 renovando as energias, cheia de metas e determinações. Adoro essa época do ano, mas o motivo é: férias! Férias no cinema geralmente é sinônimo de animação, atualmente tá passando Alvin e os esquilos 3 e logo estreia Peanuts – O filme. Pra quem prefere ficar em casa, vou fazer uma lista de animações que se destacaram ano passado (que loucura que 2015 já é passado). Então é assim, se vocês não assistiram aos filmes que comentarei, fica a dica; se sim, sempre válido reassistir, não?

Divertida Mente

O primeiro não poderia ser diferente, Divertida Mente exemplifica bem aquela frase de “esse filme não é pra criança” (mesma coisa que Up, Wall-e, Mary e Max). Quer dizer, o filme é completo, né? Tem personagens caricatos – quem não gostou da Tristeza?-, tem uma história que prende e um ótimo ritmo, mas vamos combinar que poucas crianças entendem as fases da consciência da Riley, as ideias abstratas e a definição, mesmo que implícita, de depressão. O filme é um deleite pra nós, não-crianças!

As Memórias de Marnie

Embora esse filme não tenha ganhado visibilidade no cinema nacional, espero que vocês tenham conferido. As Memórias de Marnie é o mais recente filme do Studio Ghibli e retrata a história de uma menina, Anna, que acabou de se mudar e logo conhece Marnie. O filme é singelo como todas as animações japonesas desse estúdio e super, super recomendo a quem ainda não assistiu!

Minions

EU AMO MINIONS! Pronto, confessei! E mesmo amando, odiei o filme. Quer dizer, o marketing do filme foi incrível, torrei rios de dinheiro e enchi minha casa de amarelo, mas o filme em si, fala sério? A vilã, Scarlet Overkill, é mal construída, não tem passado e propósito. Os minions são ótimos coadjuvantes, mas não conseguem carregar um filme inteiro. De qualquer forma, dá pra rir bastante. Todos viram, né?

Hotel Transilvânia 2

Embora o primeiro filme não tenha feito muito sucesso, fizeram a continuação de Hotel Transilvânia. Nesse, a vampira e o humano se casaram e todos vivem no Hotel junto com o Drácula. Quando os dois têm o primeiro filho, Drácula fica eufórico querendo ensinar as “vampirices” pro neto, mas existe a possibilidade de ele ser um simples humano.  Assim como o primeiro, o filme é bem gostosinho de assistir num sábado à tarde pra passar o tempo!

O Pequeno Príncipe

Mesmo tendo o mesmo nome do livro do Saint-Exupéry, o filme não retrata a história fielmente do livro. A história gira em turno de uma garota que se mudou e fez amizade com seu vizinho, um senhor que começa a lhe contar a história do pequeno príncipe e seu asteroide com a rosa. As mensagens bonitas e famosas do livro estão contidas no filme, só a narração que muda o foco. Vale a pena para quem gosta da história!

E é isso, pessoal! Muitas animações estão por vir esse ano, aliás, quem não espera ansiosamente Procurando Dory? Enquanto isso, gente, tempos de Oscar, se preparem para os próximos posts!

Um beijo e até a próxima!

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

21 de jul 2015

 

Olá, pessoal!

Férias escolares são sempre sinônimos de várias animações estreando no cinema e acredito que todo mundo acompanhou o sucesso dos Minions. Eu particularmente não gostei do filme, mas não posso negar que os minions são extremamente fofos e me fazem rir à toa.

O post de hoje não é só sobre eles, mas de coadjuvantes de filmes que se saíram tão bem, mas tá bem, que ganharam um filme próprio, afinal, Meu Malvado Favorito é muito bom, tem uma histórica bem bacana com mudança de perspectiva, onde o vilão não é algo necessariamente ruim. No entanto, o que mais nos faz rir e se divertir no filme são os Minions. A ideia, então, de fazer um filme só deles não parecia ruim, certo? Pois é, eles não foram os primeiros a se destacaram a esse ponto, selecionei alguns outros filmes para vocês.

Gato de Botas

Nessa mesma vibe de Minions, surgiu em 2011 o filme Gato de Botas, que tinha aparecido anteriormente em Shrek. Eu achei estranho um filme do Gato sendo que o Burro é muito mais engraçado, a única coisa “fofa” do Gato são os tão famosos olhos. Acredito que eles quiseram aproveitar que o Gato em si é um conto de fadas. O filme também mistura a história do João e o pé de feijão, já que mostra um casal de ladrões de feijões mágicos que o Gato persegue na esperança de conseguir os tais feijões. É bacana assistir na versão original com a voz do Antonio Banderas, o sotaque fica super charmoso!

Os Pinguins de Madagascar

A mesma história se repete em Madagascar, mesmo com quatro protagonistas (bem legais, por sinal), quem rouba a cena são os pinguins, com seus diálogos inteligentes e sacanas muito boas. No começo desse ano, lançaram Os Pinguins de Madagascar e, gente, assistam! É divertidíssimo! A dublagem perde algumas piadas, além de não ter a voz do Benedict Cumberbatch, então se tiverem a oportunidade, assistam no original!

Malévola

Ainda em desenhos, ou quase, tem Malévola (2014), que é história da Bela Adormecida no ponto de vista da vilã. Aliás, antes do episódio do nascimento da Aurora, mostra a origem da Malévola, uma fada com chifres e asas que se apaixona por um humano. Ele corta suas asas para se tornar rei e ela se torna tão amargura que decide colocar um feitiço na filha dele. Bom, o resto vocês já sabem, né? Quer dizer, eles mudam o final e me incomoda muito como eles conduziram o filme, mas a Angelina Jolie tá incrivelmente assustadora. Recomendo o filme só por ela.

Wolverine

Mudando um pouco das animações, Wolverine ganhou destaque na trilogia X-men e ganhou dois filmes solos, X-men Origens: Wolverine (2009) e Wolverine imortal (2013). O primeiro eu acho bem ruinzinho, mostra, como diz o nome, a origem do Wolverine, como ele conseguiu suas garras de adamantium e surgem alguns mutantes (inclusive o Deadpool, que vai ter um filme solo). Já o outro é mais divertido, mostra um episódio em que ele vai ao Japão e ele conhece a Mariko, um dos romances que ele teve (para quem lê as HQs fica mais claro). Hugh Jackman está uma máquina de músculos em ambos os filmes, além do humor ácido de sempre do Wolverine. Não sei se gosto dos filmes, mas com certeza gosto do super herói.

No final das contas, o que vocês acham? Eles deveriam ter permanecidos nos filmes de origem ou foi legal o filme próprio? Me conte aí nos comentários!

Até a próxima, pessoal!

Beijos!

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

02 de jul 2015

capa calendário 2015 cópia

Oláá, atrasei o calendário de Julho pelo motivo que a maioria já sabe, ontem foi meu aniversário (23 anos, :( ). Faz tempo que eu queria fazer esse calendário, mas esperei lançarem o filme dos minions, hahaha. Espero que gostem no calendário e novamente ele também vem em versão tablet e celular.

HD BIG-Recuperado cópia

1280×800 | 1920×1440 | 1560×1600

tablet 1280x800

1280×800

 SMARTH1 cópia

320×480

Espero que tenham gostado, beijo beijo! :D

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

 
ir ao topo