27 de set 2015

fontsffff

Para algumas pessoas parece bobagem, mas é muito importante prestar atenção nos detalhes e as fontes fazem muita diferença no design das coisas.

Eu comecei a falar sobre fontes no post sobre layouts, hoje vou deixar alguns sites que utilizo para conseguir fontes legais e mostrar como se adicionar aos layouts do blogger.

Nós nos acostumamos com algumas fontes em nossa vida, que nos avisam o que as coisas são, antes mesmo que nós leiamos ou tomemos consciência da mensagem. Isso acontece muito com tipografias de marcas, como aparecem constantemente em comerciais e campanhas, nós reconhecemos mesmo inseridas em outros conceitos.

As fontes se dividem em famílias, classificadas por serifa:
Romana (clássica)
Romana (moderna)
Egípcia
Etrusca
Gótica
Manuscrita (Script)
Fantasia

Cada uma tem sua característica, não vou abordar diretamente, porque se não esse post mais ficar gigantesco, mas se tiver interesse em aprender, clique aqui para saber as diferenças delas.

Fontes Script (Manuscrita) e Fantasia são melhores para títulos que para textos. Quanto mais elaboradas, piores ficam quando empilhadas umas sobre as outras.

Fontes Lapidárias, as sem serifa, são as mais legíveis de todas, porem não muito indicadas para textos longos.

Fontes Serifadas são ideias para textos longos, por conta das astes os deixa mais leves e facilitando a leitura.

O importante no nosso caso, é garantir que as coisas sejam legíveis e que não incomodem os olhos. Mas tem coisas que nem todo mundo sabe, como por exemplo, que a fonte Comic Sans virou um tipo de piada por sua má utilização.

É preciso sentir a ocasião, pensar bem se aquela fonte se encaixa no contexto que você está colocando, se vai ficar agradável visualmente.

Indico os sites:

Dafont

 

O Dafont é o site que mais utilizo para baixar fontes, por causa da variadade, sempre que passo por lá saio com várias novas.

MyFonts

No MyFonts há uma variedade incrível de fontes pagas, para quem quer algo mais exclusivo.

Pinterest

É possível encontrar várias fontes legais no Pinterest. Várias divulgam suas postagens, com sugestões de fontes, por lá.

Como trocar as fontes no blogger

Fontes free, já com o código disponível, não são muito fáceis de encontrar, ainda mais para mim que não sei mexer dos códigos, mas quando estava no blogger, conseguia me virar muito bem trocando as fontes pelas do google. O google fonts tem vários opções que podem ser adicionadas diretamente nos códigos do blog.

Para começar clique aqui.

Clique em quick use (uma setinha pro lado) e escolha, assim que abrir, sua fonte, determine qual o modo que deseja usá-la, exemplo: Normal, Semi-Bold, Bold, etc.

Vão aparecer dois códigos, o de cima você precisa inserir depois do </b:skin>. Não é preciso apagar as fontes que já estão lá, desde que você troque no CSS pelas atuais, elas não vão atrapalhar. Na imagem abaixo dá pra ver o tanto de fonte que eu tinha no meu antigo layout (tentei não deixar tão bagunçado, apenas).

E o outro no CSS

Quanto a mudar as fontes no wordpress, eu ainda não aprendi, hahaha, quem fez foi minha designer, mas espero ter ajudado quem for do blogspot, beeijo.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

06 de ago 2015

Um problema recorrente entre ilustradores, designers e fotografos é encontrar seus trabalhos por ai, por vezes alterados, com assinaturas removidas e disponibilizados por terceiros.

Não serei hipócrita, um dia já fiz isso, anos atrás, na minha época de tumblr, eu pegava chibis do deviantart e utilizava. Na época eu não sabia que não podia fazer isso, na época eu nem ilustrava ainda e outra, todo mundo também fazia, então dava-lhes a mão e pulávamos juntos da ponte.

Penso que a internet evoluiu bastante de 2009 para cá e que temos muito mais informação que antes, mas algumas pessoas, muitas pessoas, ainda cometem o mesmo erro, algumas por serem novatas nesse mundo internético cheio de possibilidades, outras propositalmente.

Portanto resolvi eliminar as desculpas da galera com esse post, para ninguém poder dizer que o toque de inocência das fadas estava sobre seus olhos.

Descubra de onde veio

Como saber se aquela imagem pertence a outra pessoa ou se alguém está usando algo seu sem permissão?
Acesse o Google imagens e clique na câmera para selecionar a imagem do seu computador e compará-la com outras da internet.
3
Clique com o botão direito e selecione ‘pesquisar imagem no Google’. Lembrando que a imagem precisa ter fundo para funcionar direito, então como em png o fundo fica preto, não funcionará corretamente (dê um print ou coloque um fundo na imagem antes de pesquisar).
2

Remover os créditos é errado?

Bom, acho que a resposta é óbvia, ninguém gosta de ser descreditado de seu trabalho. Não é porque o trabalho foi pago que quem produziu perde o direito sobre ele e muito menos quando a imagem
é “free”.
A ilustração abaixo é um exemplo, ela foi produzida pela Akeno para ser disponibilizada free e recentemente foi encontrada por ai sem os créditos devidos e sendo distribuída por outra pessoa.

IlustracoesExclusivas6-586x1024

Dica: Creditar o site em que pegou e não o autor do trabalho também não é certo. Não foi o we♥it que tirou aquela foto linda que você pegou, nem o Pinterest, lembre-se.

Como visualizar apenas as imagens “free” no Google

No Google imagens selecione Ferramentas de pesquisa> Direitos de uso e marque a opção mais adequada para o que deseja fazer.
4

Imagens acessíveis

Alguns sites disponibilizam imagens para baixar gratuitamente ou por preços super acessíveis:
Recomendo o Freepik pela variedade e quantidade de materiais bonitos, disponibilizados gratuitamente.
O Creative Market tem valores acessíveis a pacotes de ilustrações, ícones e etc, mesmo cobrando em dolar.
No Pinterest há muitos links nas fotos, redirecionando a conteúdos free, é só saber o que procurar.

Dica: Quando você pegar um cabeçalho free em algum blog, verifique se essa ilustração não pertence a algum artista e está sendo disponibilizada sem autorização.

Vocês sabem que eu prefiro tirar minhas próprias fotos para os posts do blog, mas para quem nem sempre pode,lá vai:

Encontrei no blog do Bruno Avila uma lista gigante de sites que disponibilizam imagens free: clique.

Ilustradores, designers e fotógrafos, por favor deixem seus links aqui nos comentários, para que eu faça uma lista nesse post e possa divulgar o trabalho de vocês a quem estiver interessado em investir e encomendar exclusivamente (o programa que eu estava usando anteriormente faiô)

Ilustradores:
Carla Nascimento
Kakau Carvalho
Renata Montenegro (Vitrola)

Gostaria apenas de fazer um adendo.
Eu continuo odiando alguns costumes que a galera da internet andou desenvolvendo, de querer tudo de mão beijada, de ter preguiça de procurar pelas coisas que querem. A internet tem muita coisa boa, gratuita e paga, muita gente que trabalha bem e merece reconhecimento por isso e muito com o que aprender, portanto, pip pip!

badge_post_01

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

 
ir ao topo