20 de maio 2016

VOLTEI! Pronto gente, reforma concluída, logo o room tour vai estar por aqui, mas o ritmo do blog já vai normalizar.

O vídeo de hoje é uma retrospectiva porque finalmente completei um ano de transição, sim, continuei chamando de transição mesmo depois do big chop, porque ainda haviam questões a resolver na minha cabeça, por dentro e por fora, tanto scab hair quanto aceitação, hahaha, enfim, vejam algumas fotos do processo e de como está agora.

Se inscreva no canal para não perder nenhum vídeo! <3

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

31 de dez 2015

coracao2

Essa tag começou lá no Depois dos Quinze, assim que vi, já planejei fazer e dai a Ana do 9dades a solta me convidou, então lá vou eu. Vamos relembrar minhas 15 coisas boas de 2015, sim relembrar porque vocês acompanharam muitas delas aqui no blog mesmo.

1 – Conheci muita gente querida


Acho que nunca conheci tanta gente quanto nesse ano, hahaha. Muitas pessoas de outros estados, muita gente do meu próprio estado, alguns só passaram e outros fincaram a bandeirinha no meu coração. Dessas as que tem que ganhar o prêmio de paciência e frequência é a Simone Montilares, nos vimos tanto durante o ano que nem parece que nos conhecemos a tão pouco tempo, a Ju, a Patê e a Camila, que super me ajudaram com coisas do blog e momentos de crise e a Ale que abriu a casa dela pra mim, desde de anos de amizade, desde o orkut, hahaha. Espero que seja só o começo, amei conhecer todo mundo e ainda tenho muita gente na minha lista para conhecer. <3

2 – Viajei sozinha

Ainda que tenha sido para dentro do pais (Rio Grande – RS) viajei sozinha e pode parecer pouco para algumas pessoas, mas eu sou uma pessoa incrivelmente dependente e por ter tomado a iniciativa e conseguido ir e voltar viva, já me sinto vitoriosa. Que venham mais viagens! <3

3 – Terminei a faculdade

Depois de 7 anos de faculdade (descubra porque tanto tempo aqui) terminei, me formei em publicidade e vou sentir falta tanto da instituição me que passei tanto tempo, assim como do meu grupo/agência, a Reload.

4 – Fiz um curso de fotografia/fotografei muito mais

1

Todo ano eu pego algo que quero aprender e tento me dedicar mais, esse ano foi a fotografia, além de ilustrar, foi o que eu mais fiz, sai pra caramba para fotografar e fiz um curso (A escola era a Foto conceito, o legal de lá é que pode refazer, ano que vem volto pra lá). Espero que em 2016 eu me sinta segura o bastante para considerar a fotografia uma das minhas profissões também. <3

5 – Comecei e conclui minha transição capilar


O ano começou já comigo em dúvida se deveria ou não fazer a transição capilar, conforme os meses foram passando minha opinião sobre a transição mudou drasticamente. Eu passei a achar viável, ao invés de impossível e depois comecei a achar necessário e importante. Posso dizer que hoje sou outra pessoa, passar pela transição me mudou, acredito que para o bem, me fez crescer um pouco mais e se você está pensando em fazer o mesmo, pense bem, não só na estética, desconstrua os padrões que a sociedade criou para você.

6 – Desconstruí muito

editado

Esse ano aprendi mais sobre o feminismo, desconstruí muitos pensamentos errados que eu nem sequer sabia que tinha e acredito que ajudei algumas pessoas a fazerem o mesmo. Mas como dizem, a ignorância é uma benção e muitas coisas se tornaram difíceis de ouvir. É muito difícil também perceber que algumas pessoas demoram mais para desconstruir ou que talvez nunca venham a fazê-lo.

7 – Fui mais eu do que nunca

IMG_4016

Esse ano eu me libertei, bati cabelo loucamente, liso e cacheado, dancei, cantei e prometi e cumpri que teria menos vergonha de fazer as coisas que me fazem feliz.

8 – O blog cresceu e usei ele para ajudar outras pessoas

12

O blog cresceu consideravelmente esse ano, trabalhei seriamente com ele esse ano e ver esse trabalho dando resultado foi ótimo. Arrumei então uma forma de ajudar as pessoas com ele, ensinei o que eu sabia de útil e aprendi novas coisas para continuar ensinando, a experiência foi ótima. <3

9 – Assisti muito mais séries

MODELO CAPA nova cópia

Acho que comecei 20 séries esse ano, a maioria terminei as temporadas que já estavam completas (a maior delas Grey’s Anatomy – 12 temporadas), não me arrependo e não acho que perdi tempo com isso. Aprendo muito com minhas séries e é como se tivesse feito nossos amigos. OBRIGADA NETFLIX! Me sigam no orangotag.

10 – Participei do We love fashion blogs 3 e finalmente me tornei mais positiva

6

Esse ano eu participei do We love fashion blogs 3, conheci muita gente legal e passei por desafios super elaborados, que me ensinaram muito. Em um dos desafios eu tive que escrever um post sobre otimismo e foi quando eu percebi que os esforços que fiz desde o #100happydays para ver as coisas boas a minha volta estavam funcionando. <3

11 – Comprei um salto e comecei a me maquiar

3

Eu passei muito tempo achando que me arrumar, começar a usar vestidos, ia me fazer muito “menininha”, coisa que eu nunca gostei de ser, sempre fui meio “menino”, mais nerd, amiga dos meninos, sem frescura. O feminismo me mostrou como isso tudo é errado, eu sou uma mulher e não há nada de errado em querer parecer com uma, apesar de a vida toda esse conceito de feminilidade ter sido passado a mim como algo errado, chato e cheio de frescura. Hoje eu visto o que eu quiser, sem nenhum peso na consciência e sou feliz.

12 – Comecei o processo de deixar de ser trouxa

IMG_4594

Passei boa parte da minha vida correndo atrás dos outros, me importando, tomando conta de quem não merecia, me preocupando com quem não se importava igualmente comigo e esse ano aprendi que papel de trouxa não é muito útil.

13 – Visitei muitos pontos turísticos (SP/PE/RS)

IMG_3302

Viajei em Janeiro (PE) e em Dezembro (RS) e tanto nas viagens quanto em São Paulo mesmo, fiz o máximo que pude para visitar os pontos turísticos por onde estava, adoro. Em 2016 a saga continua, hahaha.

14 – Fiz mais vídeos

MODELO CAPA nova cópia

Me esforcei para fazer mais vídeos e o legal foi como me diverti fazendo, recentemente tentei melhorar meus equipamentos e se tudo der certo ano que vem vai ter mais vídeos ainda.

15 – Decidi abrir meu próprio negócio

sao jose 7

Depois de um surto de desespero quando a faculdade estava acabando, uma amiga me ajudou a tomar uma das decisões mais importantes do ano, talvez da vida. Vou abrir uma loja, com minhas ilustrações, layouts, ate para cartões de visita, agenda planner, ícones, etc. Cruzem os dedos para que tudo dê certo, estou cruzando os meus. <3

Se esse for meu último post esse ano, feliz ano novo para vocês, que 2016 traga tudo de bom que nós precisamos. :D

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

31 de dez 2014

Depois de um tempão sem postar nada do Rotaroots, aqui estou eu. Apesar de achar que todo mundo está de saco cheio de retrospectivas, acredito que esse seja o melhor jeito de aceitar de uma vez que o ano acabou e que não há mais nada que possamos fazer a respeito, hahahaha. É a mesma sensação de terminar de ler um livro de auto-ajuda, viramos a ultima página achando que, agora, vai ser tudo diferente, e até acreditamos nos primeiros dias, depois esquecemos.

Então vamos lá, uma foto por mês (cada uma de um tamanho :x), esse foi meu 2014.

Janeiro

Itanhaém

Fevereiro

Ano Novo Chinês na Liberdade

Março

Um mês para rir muito com as amigas e chorar muito com os golpes que a vida dá

Abril

O mês em que a aquarela começou <3

Maio

O mês em que quase fiquei louca com os trabalhos

Junho

Um mês do universo retribuindo esforços

Julho

Mês cheio de piercings e sakuras <3

Agosto

Minha primeira Bienal, mês cheio de livros. Esse também foi o mês em que comecei com os looks ilustrados. <3

Setembro

O mês que os projetos fotográficos me pegaram

Outubro

Enquanto filmávamos o trailer acabamos no Holi

Novembro

Processed with VSCOcam with f2 preset

O mês da franjinha

Dezembro

SAMSUNG CSC

A última foto era para ser a última selfie do ano, mas não estou com paciência para arrumar meu cabelo agora, hahaha, portanto vai ser essa que eu tirei na exposição da Mafalda.

Muito obrigada por acompanhar o blog esse ano, sem vocês nada do que aconteceu por aqui seria possível e espero que continuem comigo em 2015.

Feliz ano novo!

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Página 1 de 212
 
ir ao topo