27 de nov 2017

Nos anos 90 tudo combinava. A bolsa e o sapato, o vestido com o sapato, o batom e o esmalte, entre outras muitas variações, o objetivo era sair de casa combinandinha, chic.

Tanto que os conjuntinhos eram moda, como eram feitos do mesmo tecido, poderiam-se usar não só as mesmas cores como a mesma estampa em cima e embaixo. Com o tempo a moda mudou e as roupas passaram a conversar. Estilo e paletas de cores assumiram o controle e estampas se misturaram trazendo mais opções de looks para cada peça, os conjuntinhos caíram no limbo do brega, no fundo do armário ou nos brechós.

Confesso que eu gostava dos conjuntinhos, mas entendi o ponto e gosto das possibilidades das misturas mais transgressoras, porque não usar um blazer laranja com um look básico?

Agora com a experiência adquirida podemos finalmente usar os conjuntinhos sem medo, estou amando a tendencia, ansiosa para que o tempo esquente e eu possa usar meus looks combinando, ah verão, me aguarde!

Seguem algumas inspirações lindas para copiar.

Conjuntos curtos – Croppeds e shorts

Conjuntos com shorts e calças, assim como macacões são super confortáveis e casuais, perfeitos para passeios e viagens. As peças mais longas, tanto saias como calças, dão um ar sofisticado, sério, ao look, o que pode ser equilibrado com estampas divertidas.

Conjuntos longos – Croppeds e calças

Conjuntos longos – Croppeds e saias

Espero que tenham gostado, para mais looks, siga o álbum que fiz para o verão 2018 no Pinterest:

E para encontrar as peças ideais para você, acesse o Lounge A, um site de buscas com mais de 3.000 mil marcas, 500.000 mil peças e um sale alert que te avisa quando os melhores descontos aparecerem.

Esse post contém conteúdo pago, todas as opiniões expressas no mesmo são sinceras.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

20 de out 2017

Essas fotos estavam guardadas aqui faz um tempo porque eu estava procrastinando para escrever esse post, por isso meu cabelo ainda está na cor antiga.

Nunca consegui usar biquinis da forma que eu acreditava que eles tem que ser usados. Como seria essa forma? Com conforto. Talvez por causa dos filmes e revistas, sempre imaginei que estar pra praia ou piscina deveria ser uma experiencia relaxante, que não envolvesse preocupações com o corpo ou desconforto se tratando da vestimenta.

Mas ai é que está, todos os biquínis que já tive ou me apertavam, marcavam meu corpo (o que me fazia pensar como meu corpo estava errado praquela peça) ou ficavam caindo (sério, já expus mais de mim do que pretendia quando as ondas batiam) ou me causavam algum tipo de abrasão. Não importando o modelo.

Os biquínis repetem e pioram o erro que as calcinhas apertadas e em formatos bizarros já causam, deformam nossos corpos e mesmo quando não os estamos usando faz com que nos sintamos desconfortáveis, porque a sociedade diz que deveríamos estar usando.

Recentemente resolvi que chega de sofrer, eu precisava de um maiô, comecei a pesquisar em lojas online, mas acabei encontrando em um brechó.

As fotos desse posts foram tiradas no quintal de casa pela minha mãe, estou tentando ensinar ela a usar a câmera e fiquei bem feliz com o resultado desse photoshoot, hahaha.

Nesse meio tempo fiquei fissurada por looks compostos por maiôs e bodys. Montei uma pasta no Pinterest com as tendencias para o verão 2018. Ainda não é um post de moda praia, mas confiram as referências para looks.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

15 de abr 2017

O mundo inteiro enveludou. Logo de cara achei fuen, mas depois que vi o efeito legal do veludo molhado e como, seja qual for a peça, ele transforma o look, tive que me render.
Já estou querendo várias peças e vou mostrar algumas das inspirações, especialmente porque as achei bem reais, afinal andei olhando pelas lojas de departamento no shopping e tem a maioria dessas peças, então, possibilidade real de reprodução dos looks na vida.

Body, com decote nas costas: Os bodys e maios entraram com tudo no figurino das estilosas de plantão. Desde o começo do ano vejo um mais bapho que o outro, ja adquiri o meu em veludo.

Vestido camisetão: Esse é o tipo de peça que faz o look, não precisa de muito mais com uma peça chave dessas, simples e ao mesmo tempo sofisticada.

Blazer: Esse é o tipo de peça que a gente usa uma vez na vida uma na morte, pra ser sincera, mas quando usa, vira referência.

Quimono de veludo: Os quimonos e cardigans entraram com pé na porta esse ano, de todos os tipos e prontos pra complementar qualquer look.

Regata de alças/Cropped: Vi tantas brusinhas de alças finíssimas que acho que surgiram dos veludos mesmo. Seja para usar sozinho ou fazer sobreposições.

Vestido Ciganinha:

Saia Plissada: Saias plissadas, principalmente midi, estão ahasando demais, muitas vezes metalizadas, mas imaginem o quão sofisticadas podem ficar quando de veludo.

Macaquinho:Vou nem falar nada do macaquinho, porque socorro, que coisa mais linda, conforto é a palavra.

Body: Coloquei esse body extra no post porque a Kendall Jenner usou esses tempos, igualzin.

Tênis: Vocês já viram os tênis lindos de veludo que estão surgindo por toda parte, meus favoritos por enquanto são os modelos da Moleca e Quiz, joguem no google e chorem com a beleza.

Vestido de alças: Assim como as blusas, perfeitos para sobreposições, não só camisetas de algodão como rendas, transparências – Que são super tendências desse ano, várias possibilidades.

Bom gente, é isso, me contem o que mais gostaram nos comentários e se usariam tanto veludo molhado assim na vida, hahaha, beijo.

 

Acompanhe o blog também nas redes sociais:  Facebook InstagramTwitter

Página 1 de 212
 
ir ao topo